SUBLUXAÇÃO
Poder das Mãos Web
Links Úteis
ARTIGOS
Anomalias dos genitais masculinos

 

Anomalias dos genitais masculinos
 
Os genitais masculinos têm a mesma origem embrionária dos genitais femininos e são formados dentro da cavidade abdominal (imagem 1). A diferença é que os ovários permanecem ali durante toda a vida da mulher. Já os testículos, glândulas sexuais responsáveis pela produção dos espermatozoides e do hormônio testosterona, atravessam o canal inguinal e vão parar na bolsa escrotal, constituída por camadas de pele e musculatura (imagem 2). Esse processo de migração dos testículos para a bolsa escrotal é de fundamental importância para a produção dos espermatozoides, que não conseguiriam sobreviver dentro da cavidade abdominal onde a temperatura é, pelo menos, um grau mais alto do que do lado de fora.
 
Os espermatozoides produzidos nos tubos seminíferos, que se localizam na parte interna dos testículos, passam para o epidídimo, uma estrutura de tubos enovelados, onde amadurecem e são armazenados. Depois de percorrer o canal deferente, entram em contato com o líquido produzido pelas vesículas seminais e pela próstata e estão prontos para serem eliminados durante a ejaculação.
 
Qualquer anomalia nesse sistema reverterá em comprometimento na viabilidade da função germinativa.